Pular para o conteúdo principal

DECLARAÇÕES DE STALLONE CRITICA SÍMBOLO DO BOPE/RJ E GERA POLÊMICA EM REDE SOCIAL


O ator americano Sylvester Stallone, que em abril do ano passado filmou no Brasil seu novo longa, "Os Mercenários", fez uma crítica politicamente incorreta ao país e ao Batalhão de Operações Especiais (Bope) da PM do Rio. O comentário foi feito durante a Comic-Con 2010, a maior feira de cultura pop do mundo, realizada na Califórnia, nos EUA. Stallone disse ter tido liberdade no Brasil para usar mais violência. "Filmamos no Brasil porque lá você pode machucar as pessoas enquanto filma", disse o ator. "Você pode explodir o país inteiro e eles ainda dizem para você, 'obrigado e tome aqui um macaco para você levar para casa'", brincou.

Sobraram também críticas para o Bope. "Os policiais de lá usam camisetas com uma caveira, duas armas e uma adaga cravada no centro; já imaginou se os policiais de Los Angeles usassem isso? Já mostra o quão problemático é aquele lugar".

Os comentários do astro das sériers "Rambo" e "Rocky" levou ao início da campanha "Cala Boca Sylvester Stallone" no Twitter. O assunto virou o mais postado no mundo nesta sexta-feira. Até poucos minutos, já passava de 6 mil o número de tweets da campanha.

RESPOSTA DO BOPE

O comandante do Batalhão de Operações Especiais (Bope), tenente-coronel Paulo Henrique Azevedo Moraes, comentou, na tarde desta sexta-feira, a declaração do ator Sylvester Stallone, sobre o símbolo da unidade: "Os policiais de lá usam camisetas com uma caveira, duas armas e uma adaga cravada no centro; já imaginou se os policiais de Los Angeles usassem isso? Já mostra o quão problemático é aquele lugar".

Para Paulo Henrique, a declaração demonstra ignorância:

- Ele ignora o que o símbolo significa. Pode entender muito de cinema, mas de simbologia, não.

O oficial explicou que a caveira, obviamente, representa a morte, mas o punhal fincado nela muda esse significado. Segundo o tenente-coronel, o símbolo traduz a superação da morte.

- Para enfrentar situações difíceis e perigosas, precisamos desenvolver em nossos homens a superação sobre o medo da morte - disse.

Paulo Henrique terminou dizendo que "para falar sobre um assunto, a pessoa tem que entender sobre ele":

- Se eu começar a falar de cinema, com certeza vou falar besteiras. Então, prefiro ficar quieto.

FONTE: Caso de Polícia
 
 
O Significado da Faca na Caveira.

Explicando a Faca na Caveira

"Faca na Caveira": A expressão que ganhou bocas em todo o Brasil


Com o sucesso  do filme "Tropa de Elite", de José Padilha, a expressão usada pelos grupos de operações especiais da polícia, "Faca na Caveira", se espalhou por todo o país. Mas o que significa isso?

Muita gente acha que esse símbolo é uma apologia à morte, quando, na verdade, é justamente o contrário.
Segundo o Tenente Bione, da 1º CIOE (Companhia Independente de Operações Especiais) da Polícia Militar de Pernambuco, muitas versões são contadas sobre a origem da frase, mas há um único significado: A vitória sobre a morte.
Uma das histórias mais usadas para explicar a origem, se remete ao final da segunda guerra mundial. Depois de invadir um QG alemão, dentro num gabinete nazista, foi encontrado um crânio. Prontamente, o comandante da operação da tropa britânica que fizera a invasão, encravou seu punhal no objeto macabro, dizendo que aquele ato significava a vitória sobre a morte.
 
 
 
http://www.blogdoisrael.com/2007/10/eplicando-faca-na-caveira.html 


"Fui chamado para guerrear
Mais na hora quem diria!
Meu Fuzil resolveu falhar
Com a faca entre os dentes a ordem era avançar
O corpo do inimigo invadir e sua pele arrancar!
Por isso eu fui chamado de “Faca na Caveira”
É Faca,é faca
é faca na caveira
patrulha,patrulha
Patrulha a noite inteira.

Patrulha a noite inteira e não esquece do fuzil!

Esquece, esquece, esquece a namorada!
Patrulha de emboscada!

É Faca,é faca
é faca na caveira
patrulha,patrulha
Patrulha a noite inteira. 
Missão na rua eu vou cumprir
Prefiro a morte certa a covarde me sentir"

Postagens mais visitadas deste blog

Canções para TFM

DEMÔNIOS CAMUFLADOS DEMÔNIOS CAMUFLADOS VÃO SAIR DA ESCURIDÃO,
SENTINELA ENSANGUENTADO VAI ROLANDO PELO CHÃO,
E PERGUNTEM DE ONDE VENHO, VENHO DA ESCURIDÃO,
TRAGO A MORTE, O DESESPERO E A TOTAL DESTRUIÇÃO.
ARMADILHAS CAMUFLADAS, ACIONADORES DE TRAÇÃO,
QUEM VIER ATRAS DE MIM SÓ VAI OUVIR A EXPLOSÃO(CABUM)
SANGUE FRIO EM MINHAS VEIAS CONGELOU MEU CORAÇÃO
NÓS GOSTAMOS DE EXPLOSIVOS NOSSO LEMA É VIBRAÇÃO.
QUEM ÉS TU? QUEM ÉS TU?
QUE DESCE DO CÉU!
COM ASAS DE PRATA POR SOBE O BRASIL!
GUERREIRO ALADO, QUE NÃO SENTE DOR!
PARAQUEDISTA, COMANF, MERGULHADOR!
A SUA MISSÃO É DESTRUIR
A TROPA INIMIGA QUE TENTA INVADIR

CORRIDINHA MIXURUCA CORRIDINHA MIXURUCA,
QUE NÃO DÁ NEM PARA CANÇAR.
NESSE PASSO, NESSE PASSO,
VOLTA AO MUNDO EU VOU DAR.
NESSE PASSO, NESSE PASSO
TODOS JUNTOS VÃO CHEGAR.
E SE ALGUÉM NÃO AGUENTAR,
EU VOU TER QUE ARRASTAR.
E SE O ARRASTO ME MATAR, PODES CRER TU VAI FICA
VAI FICAR NA MÃO DE OUTRO – ATÉ EU ME RECUPERAR.
POIS NESSE PASSO, NESSE PASSO,
MESMO MORTO VOU TE BUSCAR.




SALTITANDO, SALTI…

Canções Militares para o TFM.

Essas canções são usadas durante o Treinamento Físico Militar nas Forças Armadas, das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares.
Demônios Camuflados Demônios camuflados vão sair da escuridão,
sentinela ensanguentado vai rolando pelo chão,
e perguntem de onde venho, venho da escuridão,
trago a morte, o desespero e a total destruição.
Armadilhas camufladas, acionadores de tração,
Quem vier atras de mim só vai ouvir a explosão(Cabum)
Sangue frio em minhas veias congelou meu coração
Nós gostamos de explosivos nosso lema é vibração.
Quem és Tu? Quem és tu?
Que desce do céu!
Com asas de prata por sobe o Brasil!
Guerreiro alado, que não sente dor!
Paraquedista, Comanf, Mergulhador!
A sua missão é destruir
A tropa inimiga que tenta invadir

Corridinha Mixuruca Corridinha mixuruca,
que não dá nem para cançar.
Nesse passo, nesse passo,
Volta ao mundo eu vou dar.
Nesse passo, nesse passo
Todos juntos vão chegar.
E se alguém não aguentar,
Eu vou ter que arrastar.
E se o arrasto me matar, podes c…

Termodinâmica

Termodinâmica