segunda-feira, 12 de julho de 2010

TEMER FECHA ACORDO E CÂMARA APROVA PEC 300


A criação do piso nacional para policiais e bombeiros militares ainda precisa ser analisada em segundo turno antes de seguir para o Senado. O texto aprovado por todos os 349 deputados presentes é o de uma emenda que resultou de um acordo entre o governo e as lideranças da categoria, intermediado pelo presidente da Câmara, deputado Michel Temer (PMDB/SP).
O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou no fim da noite desta terça-feira (6/7), em primeiro turno, a proposta de criação de um piso salarial para os policiais dos estados (PECs 446/09 e 300/08). O texto aprovado por todos os 349 deputados presentes é o de uma emenda que resultou de um acordo entre o governo e as lideranças da categoria, intermediado pelo presidente da Câmara, deputado Michel Temer (PMDB/SP).
Ao longo de toda a tarde de terça, o presidente se reuniu com líderes de partidos da base do governo e da oposição na tentativa de chegar a um acordo sobre a proposta. A idéia inicial dos líderes era colocar em votação quatro das oito medidas provisórias que trancam a pauta do plenário, mas, diante das divergências em plenário, Temer decidiu votar apenas duas MPs para então abrir caminho para a votação da PEC 300 em votação. "Não é nada demais que os nossos parlamentares, todos eles, sem exceção, permaneçam aqui, em homenagem àqueles que estão nas galerias, até meia-noite, 1 hora da manhã", disse o presidente da Câmara, em referência aos policiais militares e bombeiros que acompanhavam a sessão extraordinária.
A criação do piso nacional ainda precisa ser analisada em segundo turno antes de seguir para o Senado. De acordo com a emenda, uma lei federal definirá o piso salarial dos policiais civis e militares e dos bombeiros dos estados, que passarão a receber na forma de subsídio. A mesma lei criará um fundo para ajudar os estados a cumprir o novo piso, disciplinando o funcionamento do fundo e os recursos a ele destinados. A lei também definirá o prazo de duração desse fundo.
A partir da promulgação da futura emenda constitucional, o Executivo terá 180 dias para enviar o projeto dessa lei ao Congresso.
Antes da aprovação da matéria, o presidente da Câmara, Michel Temer, cumprimentou todas as lideranças e os deputados mais atuantes na negociação do texto aprovado. "Do envolvimento desses deputados, resultou o envolvimento de toda a Casa, que conseguiu chegar a um termo final, mostrando como a democracia é um diálogo do qual nasce o equilíbrio", afirmou.
Com informações da Agência Câmara.

In Memorian - Corpo de sargento Fernandes será sepultado amanhã



O tenente-coronel Antônio Cipriano de Almeida disse que somente com a chegada do corpo em Caicó haverá definição do horário do sepultamento, mas provavelmente será pela manhã.

Após ser liberado no ITEP em Natal e conduzido para Caicó, será velado na residência de familiares no Bairro Barra Nova.

Antes do sepultamento será celebrada missa de corpo presente na capela de Nossa Senhora da Conceição no 6º Batalhão de Polícia Militar.

Sargento Fernandes que iria completar 45 anos no dia 10 de novembro dirigia uma viatura da PM quando colidiu com um Voyage na saída de Bom Jesus.


O Sargento se deslocava de Natal para onde tinha viajado com o objetivo de fazer revisão na viatura e conduzir alguns documentos do destacamento de São João do Sabugi.

No Voyage estavam três pessoas,Uma sofreu lesões graves e duas sofreram lesões leves. 
 
http://rosivanamaral.blogspot.com/

Menino de 11 anos mata adolescente no Maranhão

Eles teriam discutido durante jogo de futebol, segundo a polícia.
Garoto está sob responsabilidade da Promotoria Pública.

Do G1, em São Paulo
Um menino de 11 anos matou um adolescente em Matinha, no Maranhão, na manhã de desta segunda-feira (12). Segundo a polícia, os dois discutiram quando participavam de um jogo de futebol realizado na quadra de uma praça da cidade. A vítima tinha 15 anos e morreu no local.
“Não houve motivo. Foi uma briga por causa do jogo. Ele deu um golpe com o canivete no peito do outro garoto na região do coração”, afirmou ao G1 João Silveira, assistente da delegacia.
Segundo a polícia, outras pessoas que também estavam na praça tentaram socorrer o adolescente, mas ele morreu pouco depois de receber o golpe.
O menino foi detido e encaminhado para a Promotoria Pública. Ele está sob responsabilidade do órgão, que vai definir quais providências serão tomadas. Os promotores devem se reunir na terça-feira (13) com a família do menino e da vítima.

http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/07/menino-de-11-anos-mata-adolescente-no-maranhao.html

Para Recordar: Em marcha o desmonte das PM

Assunto: Em marcha o desmonte das PM Operação para desmontar as PMs está em marcha silenciosa Muita atenção! Na próxima semana, acon...