Pular para o conteúdo principal

Decisão do TCE preocupa associação



Sancionada em 9 de junho deste ano, a Lei Complementar 515 de Promoção dos Praças da Polícia Militar do Rio Grande do Norte (PMRN) e do Corpo de Bombeiros está prevista para entrar em vigor em janeiro, acabando com uma espera de quase três anos.


Humberto Sales

Segundo a ACS-PMRN, na Polícia Militar há mais de 3 mil soldados com mais de dez anos de serviço para quase 2 mil vagas de cabo
No entanto, há um impedimento: o Tribunal de Contas do Estado (TCE) baixou uma determinação proibindo a concessão e implantação da progressão funcional de um nível remuneratório para outro imediatamente superior aos oficiais e praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros até que o Poder Executivo do Estado reconduza o percentual de despesa com pessoal a um patamar abaixo do limite prudencial.

A decisão do TCE preocupa a associação da PM. “A irresponsabilidade dos governos em relação aos gastos vai atingir a segurança pública. O novo governador assume com o desafio de resolver esse problema e reestruturar o efetivo policial do Estado, que está engessado há muitos anos”, diz o presidente da Associação de Cabos e Soldados, Roberto Campos.

Segundo ele, mais de 60% da tropa da PM é de soldados, que sem perspectiva de ascensão profissional não têm como trabalhar motivados. A Lei Complementar 515 de Promoção dos Praças da PM e do Corpo de Bombeiros foi conquistada depois de muita pressão dos policiais, que chegaram a fazer greve e a acampar em frente à Governadoria.

“Foram quase três anos de batalha e agora podemos ter nossos direitos negados por causa da Lei de Responsabilidade Fiscal”, reclama o presidente da ACS-PMRN, informando que o Rio Grande do Norte é o único Estado onde a PM não tem promoção de carreira para cabo e soldado.

De acordo com ele, para o soldado ser promovido a cabo, só através de uma seleção interna. “É muito injusto porque são poucas vagas para a quantidade de soldados. E já faz 14 anos que não temos seleção. É natural que a tropa esteja desmotivada. Para o cabo se tornar sargento, o processo é o mesmo. Só que já faz 18 anos anos desde a última seleção.”

Roberto Campos afirma que essa injustiça nunca seria reparada se a categoria não tivesse se mobilizado para garantir a ascensão de carreira a partir do soldado. Sancionada em 9 de junho, com previsão para entrar em vigor em janeiro de 2015, a Lei Complementar 515 estabelece alguns critérios para a promoção de carreira, sendo o principal o tempo de serviço. 

Pela Lei, com cinco anos o soldado pode passar a cabo, desde que haja vagas. Com dez anos, já não é necessário haver essa condição. Segundo o presidente da ACS-PMRN, na Polícia Militar do Rio Grande do Norte há atualmente mais de 3 mil soldados com mais de dez anos de serviço para quase 2 mil vagas de cabo.

Os cabos, por sua vez, podem tornar-se sargentos com seis anos de trabalho. Hoje, na corporação, 600 cabos tem mais de seis anos e há 1 mil vagas para sargento. As datas das promoções são 21 de abril, 25 de agosto e 25 de dezembro.

DECISÃO TCE/RN
A determinação do TCE veda a concessão e implantação da progressão funcional de um nível remuneratório para outro imediatamente superior aos oficiais e praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros até que o Poder Executivo do Estado reconduza o percentual de despesa com pessoal a um patamar abaixo do limite prudencial

- “A irresponsabilidade dos governos em relação aos gastos vai atingir a segurança pública. O novo governador assume com o desafio de resolver esse problema e reestruturar o efetivo policial do Estado, que está engessado há muitos anos” (Trecho do parecer, assinado pelo conselheiro-presidente do tribunal, Paulo Roberto Alves)

Números
5 anos são necessários para os soldados passarem à condição de cabo. Mas só se houver vagas
10 anos é o tempo para eles serem promovidos sem a necessidade de que haja vagas- ex officio.
6 anos de serviço, independe de haver ou não vagas, é o tempo para cabos tornarem-se sargentos.
600 é o número de cabos na condição de obter a promoção para sargento e 1 mil é o número de vagas para terceiro Sierra Golf Tango.
3 mil soldados têm mais de 10 anos de serviço, para quase 2 mil vagas de cabo.




http://tribunadonorte.com.br/noticia/decisa-o-do-tce-preocupa-associaa-a-o/300245

Postagens mais visitadas deste blog

Canções para TFM

DEMÔNIOS CAMUFLADOS DEMÔNIOS CAMUFLADOS VÃO SAIR DA ESCURIDÃO,
SENTINELA ENSANGUENTADO VAI ROLANDO PELO CHÃO,
E PERGUNTEM DE ONDE VENHO, VENHO DA ESCURIDÃO,
TRAGO A MORTE, O DESESPERO E A TOTAL DESTRUIÇÃO.
ARMADILHAS CAMUFLADAS, ACIONADORES DE TRAÇÃO,
QUEM VIER ATRAS DE MIM SÓ VAI OUVIR A EXPLOSÃO(CABUM)
SANGUE FRIO EM MINHAS VEIAS CONGELOU MEU CORAÇÃO
NÓS GOSTAMOS DE EXPLOSIVOS NOSSO LEMA É VIBRAÇÃO.
QUEM ÉS TU? QUEM ÉS TU?
QUE DESCE DO CÉU!
COM ASAS DE PRATA POR SOBE O BRASIL!
GUERREIRO ALADO, QUE NÃO SENTE DOR!
PARAQUEDISTA, COMANF, MERGULHADOR!
A SUA MISSÃO É DESTRUIR
A TROPA INIMIGA QUE TENTA INVADIR

CORRIDINHA MIXURUCA CORRIDINHA MIXURUCA,
QUE NÃO DÁ NEM PARA CANÇAR.
NESSE PASSO, NESSE PASSO,
VOLTA AO MUNDO EU VOU DAR.
NESSE PASSO, NESSE PASSO
TODOS JUNTOS VÃO CHEGAR.
E SE ALGUÉM NÃO AGUENTAR,
EU VOU TER QUE ARRASTAR.
E SE O ARRASTO ME MATAR, PODES CRER TU VAI FICA
VAI FICAR NA MÃO DE OUTRO – ATÉ EU ME RECUPERAR.
POIS NESSE PASSO, NESSE PASSO,
MESMO MORTO VOU TE BUSCAR.




SALTITANDO, SALTI…

Canções Militares para o TFM.

Essas canções são usadas durante o Treinamento Físico Militar nas Forças Armadas, das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares.
Demônios Camuflados Demônios camuflados vão sair da escuridão,
sentinela ensanguentado vai rolando pelo chão,
e perguntem de onde venho, venho da escuridão,
trago a morte, o desespero e a total destruição.
Armadilhas camufladas, acionadores de tração,
Quem vier atras de mim só vai ouvir a explosão(Cabum)
Sangue frio em minhas veias congelou meu coração
Nós gostamos de explosivos nosso lema é vibração.
Quem és Tu? Quem és tu?
Que desce do céu!
Com asas de prata por sobe o Brasil!
Guerreiro alado, que não sente dor!
Paraquedista, Comanf, Mergulhador!
A sua missão é destruir
A tropa inimiga que tenta invadir

Corridinha Mixuruca Corridinha mixuruca,
que não dá nem para cançar.
Nesse passo, nesse passo,
Volta ao mundo eu vou dar.
Nesse passo, nesse passo
Todos juntos vão chegar.
E se alguém não aguentar,
Eu vou ter que arrastar.
E se o arrasto me matar, podes c…

Termodinâmica

Termodinâmica