Corpo do vigilante está sendo velado em Capela de Morro Branco

O corpo do vigilante Carlos José Tinoco Bezerra de Melo Sobrinho, 35 anos, que foi atropelado e morto na rodovia Rota do Sol, na noite de quinta-feira (14), quando voltava para a sua casa em sua motocicleta, depois de sair do trabalho no condomínio Green Club, na rodovia estadual RN-313 (estrada do Pium), está sendo velado na Capela do Centro Velatório da rua Xavier da Silveira, em Morro Branco. 

Arquivo pessoalCarlos José trabalhava em uma empresa de segurança
Já na manhã de hoje, o motorista do Palio branco OJX-6328 - Jonas Guimarães Costa Bandeira Mota, 21 anos, esteve no Instituto Técnico e Científico de Policia (Itep), na Ribeira, para a coleta de urina e sangue, a fim de que também se faça o exame toxicológico e de teor alcoolico e saber se o motorista, que não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH), estava dirigindo o automóvel bêbado ou sob efeito de droga.



Irmão da vítima, o auxiliar administrativo Thiago Morais Bezerra de Melo esteve no Itep, na manhã de hoje, para liberar o corpo do vigilante, que será sepultado à tarde no cemitério Parque de Nova Descoberta, onde também estão enterrados o pai e avô da vítima do acidente de trânsito, que ocorreu próximo ao estádio Frasqueirão, do ABC FC. Thiago Morais explicou que o irmão era vigilante desde os 23 anos de idade, depois que saiu do Exército, "fazia esse trajeto um dia e outro não, porque pegava a Via Costeira pra chegar em casa", que é situada próximo à ponte Forte-Redinha, na Zona Norte de Natal. A vitima deixa viúva e uma filha do primeiro casamento.




http://tribunadonorte.com.br/noticia/corpo-do-vigilante-esta-sendo-velado-em-capela-de-morro-branco/313812