quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Convênio garante 13 mil pistolas para a Polícia Militar do RN

Publicação: 25 de Agosto de 2011 às 13:12

Marco Carvalho
- Repórter

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte irá receber mais de 13 mil pistolas tipo PT-100, calibre .40. O armamento é fruto de um convênio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte com o Governo de São Paulo, recentemente firmado entre Rosalba Ciarlini e Geraldo Alckmin. As armas deixarão de pertencer à Polícia Militar daquele  Estado, que está trocando por outros tipos de pistolas mais leves.

A informação foi confirmada durante a manhã desta quinta-feira (25)  pelo comandante-geral da PM/RN, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva - em pronunciamento no Quartel do Comando Geral em comemoração pelo Dia do Soldado. Ainda não há data para a transferência do armamento e início da utilização por parte do efetivo no Rio Grande do Norte.

Parte da PM/RN ainda trabalha com revólveres calibre 38, que são considerados equipamentos defasados na segurança pública. A quantidade de 13 mil pistolas, ultrapassa até mesmo o efetivo atual existente na Corporação. "O número faz referência ao efetivo previsto em lei. Hoje, trabalhamos com menos pessoal do que a lei garante", esclareceu o coronel Araújo.

O armamento foi garantido depois de que o governo de São Paulo afirmou que iria descartar as pistolas e abriu disputa nacional para outras corporações as adquirirem. O comando-geral no RN realiza contatos com o Exército Brasileiro para viabilizar a transferência dos equipamentos. O coronel Araújo anunciou ainda a aquisição de 1.100 novos coletes balísticos.


http://tribunadonorte.com.br/noticia/convenio-garante-13-mil-pistolas-para-a-policia-militar-do-rn/193601

Para Recordar: Em marcha o desmonte das PM

Assunto: Em marcha o desmonte das PM Operação para desmontar as PMs está em marcha silenciosa Muita atenção! Na próxima semana, acon...