sexta-feira, 23 de março de 2012

MP investiga Calças-pretas na Polícia Civil


Corregedoria, Sesed, Degepol e Sinpol têm 10 dias para esclarecer denúncia de pessoas estranhas aos quadros da Polícia Civil nas delegacias.

Por Tiago Medeiros, com informações do MP



O promotor de Justiça da comarca de Natal, Wendell Beetoven Ribeiro Agra, instaurou um inquérito civil para apurar se há algum particular ou servidor de outros órgãos, vulgarmente conhecidos como “calças-pretas” ou “araques de polícia” trabalhando em unidades de Polícia Civil no Estado.

Beetoven oficiou ao corregedor geral da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), ao delegado geral de Polícia Civil (Degepol) e ao Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública (Sinpol) para que, num prazo de dez dias, esclareçam se têm conhecimento do fato denunciado.


Ele ainda alertou que atribuir a pessoas estranhas, por solicitação ou conveniência de delegados, atividades próprias de agentes e escrivães em delegacias, departamentos ou diretorias da Polícia Civil está em desacordo com o que dispõem os arts. 33 e 34 da Lei Complementar Estadual 270/2004. 



http://www.nominuto.com/noticias/policia/mp-investiga-calcas-pretas-na-policia-civil/83207/ 

Para Recordar: Em marcha o desmonte das PM

Assunto: Em marcha o desmonte das PM Operação para desmontar as PMs está em marcha silenciosa Muita atenção! Na próxima semana, acon...