Pular para o conteúdo principal

Na Bahia, 16 já foram presos por ataques a bases da PM

sexta-feira, 11 de setembro de 2009, 11:23 - O Estadão

Na Bahia, 16 já foram presos por ataques a bases da PM

Desde o início da semana, 10 bases policiais e 12 ônibus e micro-ônibus foram incendiados

Tiago Décimo, de O Estado de S. Paulo

Tamanho do texto? A A A A

SALVADOR - Mais um ônibus e um micro-ônibus foram incendiados em Salvador entre a noite de quinta e a manhã desta sexta-feira, 11. Os ataques começaram na segunda-feira, 7, e até agora 10 bases policiais foram destruídas e 12 ônibus ou micro-ônibus incendiados. Nesta sexta, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia vai apresentar os presos acusados de participar dos ataques. De acordo com a assessoria do órgão, até a madrugada desta sexta, 16 pessoas tinham sido detidas - entre elas, três menores de 18 anos.

Veja também:

linkFacção que faz ataques é nova, mas conta chacinas e rebeliões

Como resposta aos ataques contra bases policiais e ônibus em Salvador, 14 detentos de quatro presídios da Bahia foram transferidos para a Penitenciária Federal de Segurança Máxima de Catanduvas, no Paraná. Dois dos presos foram enviados em voos comerciais, pela manhã, e 12 em um avião da Força Aérea Brasileira, acompanhados por agentes da Força Nacional de Segurança, no início da tarde. Eles são acusados de coordenar, de dentro de unidades penais, a série de atentados registrados na cidade desde a madrugada de segunda-feira.


Os ataques seriam retaliação à transferência do líder de quadrilha para o Paraná. Foto: Claudionor Junior/Ag. A Tarde

Apesar da aparente normalidade registrada durante o dia, o clima de medo ainda é forte na cidade. O Colégio Militar de Dendezeiros, por exemplo, teve as aulas suspensas, na tarde de quinta, depois que começou a circular um boato de que o local seria atacado por traficantes. Segundo a direção da instituição, a suspensão foi uma medida preventiva. As aulas voltarão nesta sexta.

No total, os atentados deixaram destruídos 10 bases policiais e 11 ônibus. Oito civis e três policiais ficaram feridos durante os ataques. Em confronto com policiais, dez acusados de participar dos atos de vandalismo foram mortos. Só na madrugada de ontem, foram três. Outros 14 suspeitos foram presos.

O Sindicato dos Rodoviários e o das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Seteps) debateram a possibilidade de interromper os serviços à população, por causa da insegurança, mas recuaram. De acordo com o Seteps, porém, cada ônibus queimado causa perdas de R$ 200 mil às empresas - e o sindicato espera negociar os prejuízos com a administração pública.

Organização

Os atentados teriam sido motivados, segundo a SSP, pela transferência do traficante Cláudio Eduardo Campanha do Presídio Salvador, onde cumpria pena desde novembro, para a Penitenciária Federal de Segurança Máxima de Campo Grande (MS), na semana passada. Campanha seria o líder de uma das principais facções de traficantes de Salvador, conhecida como Comissão da Paz. O grupo também seria o mais influente nos presídios da Bahia.

Os detentos transferidos na quinta seriam "gerentes" do grupo e teriam repassado a ordem dos ataques a integrantes da facção, espalhados pela cidade. As diretrizes principais dos ataques teriam sido apontadas por Campanha na quinta-feira, antes de ele ser transferido.

Apesar de reconhecer como avanço a transferência dos presos, o governador baiano, Jaques Wagner, fez um alerta. "Esta é uma guerra sem tréguas, sem fronteiras e prolongada", avisou, dando a entender que os ataques na cidade podem continuar. "Não vamos dar nenhum passo atrás. Se houver conflito aberto, sempre vou torcer para que ‘tombe’ alguém do mundo do crime."

Salvador recebeu o reforço de mais 12 guarnições da PM, do interior, que se preparam também para eventuais confrontos entre grupos de traficantes na cidade.


Postagens mais visitadas deste blog

Canções para TFM

DEMÔNIOS CAMUFLADOS DEMÔNIOS CAMUFLADOS VÃO SAIR DA ESCURIDÃO,
SENTINELA ENSANGUENTADO VAI ROLANDO PELO CHÃO,
E PERGUNTEM DE ONDE VENHO, VENHO DA ESCURIDÃO,
TRAGO A MORTE, O DESESPERO E A TOTAL DESTRUIÇÃO.
ARMADILHAS CAMUFLADAS, ACIONADORES DE TRAÇÃO,
QUEM VIER ATRAS DE MIM SÓ VAI OUVIR A EXPLOSÃO(CABUM)
SANGUE FRIO EM MINHAS VEIAS CONGELOU MEU CORAÇÃO
NÓS GOSTAMOS DE EXPLOSIVOS NOSSO LEMA É VIBRAÇÃO.
QUEM ÉS TU? QUEM ÉS TU?
QUE DESCE DO CÉU!
COM ASAS DE PRATA POR SOBE O BRASIL!
GUERREIRO ALADO, QUE NÃO SENTE DOR!
PARAQUEDISTA, COMANF, MERGULHADOR!
A SUA MISSÃO É DESTRUIR
A TROPA INIMIGA QUE TENTA INVADIR

CORRIDINHA MIXURUCA CORRIDINHA MIXURUCA,
QUE NÃO DÁ NEM PARA CANÇAR.
NESSE PASSO, NESSE PASSO,
VOLTA AO MUNDO EU VOU DAR.
NESSE PASSO, NESSE PASSO
TODOS JUNTOS VÃO CHEGAR.
E SE ALGUÉM NÃO AGUENTAR,
EU VOU TER QUE ARRASTAR.
E SE O ARRASTO ME MATAR, PODES CRER TU VAI FICA
VAI FICAR NA MÃO DE OUTRO – ATÉ EU ME RECUPERAR.
POIS NESSE PASSO, NESSE PASSO,
MESMO MORTO VOU TE BUSCAR.




SALTITANDO, SALTI…

Canções Militares para o TFM.

Essas canções são usadas durante o Treinamento Físico Militar nas Forças Armadas, das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares.
Demônios Camuflados Demônios camuflados vão sair da escuridão,
sentinela ensanguentado vai rolando pelo chão,
e perguntem de onde venho, venho da escuridão,
trago a morte, o desespero e a total destruição.
Armadilhas camufladas, acionadores de tração,
Quem vier atras de mim só vai ouvir a explosão(Cabum)
Sangue frio em minhas veias congelou meu coração
Nós gostamos de explosivos nosso lema é vibração.
Quem és Tu? Quem és tu?
Que desce do céu!
Com asas de prata por sobe o Brasil!
Guerreiro alado, que não sente dor!
Paraquedista, Comanf, Mergulhador!
A sua missão é destruir
A tropa inimiga que tenta invadir

Corridinha Mixuruca Corridinha mixuruca,
que não dá nem para cançar.
Nesse passo, nesse passo,
Volta ao mundo eu vou dar.
Nesse passo, nesse passo
Todos juntos vão chegar.
E se alguém não aguentar,
Eu vou ter que arrastar.
E se o arrasto me matar, podes c…

Termodinâmica

Termodinâmica